Rio 2016: que legado os Jogos deixaram para a TI?

Iniciativas de inovação em TI da Cisco apontam para um legado duradouro
 

6 November 2017 escrito por Tatiane Aquim

Legado é a palavra da vez neste momento no Rio de Janeiro. Há pouco mais de um ano, a cidade foi palco dos primeiros Jogos Olímpicos da América Latina. Entre expectativas e dúvidas, a Rio viveu a efervescência do maior evento esportivo do mundo. Uma delas, girava em torno do legado das tecnologias da informação e comunicação (TICs); no que depender da Cisco, este legado está garantido.
 
Acreditando que apoiar os Jogos Olímpicos, significa também apoiar a cidade e o país sede dos Jogos, a empresa desenvolveu diversos projetos de legado para o Rio. Visando estimular a transformação digital e apoiar a digitalização da educação no Estado do Rio de Janeiro, a Cisco doou ao Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio de Janeiro (Proderj), diversos equipamentos utilizados nos data centers, que deram suporte à realização do evento. A Cisco atuou como Apoiadora e Fornecedora Oficial dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, nas categorias Equipamentos de Rede e Servidores Corporativos; forneceu todos os equipamentos de rede cabeada e sem fio (Wi-Fi) para as instalações olímpicas, equipamentos de segurança de rede e infraestrutura para os data centers. A empresa também participou de todo o ciclo do projeto, do planejamento à operação 24x7 da infraestrutura de tecnologia, inclusive sendo responsável pelo desenho e projeto detalhado das redes e data centers.
 
Projeto
 
Este é o primeiro projeto em parceria com o Proderj, no entanto, a instituição já utiliza alguns equipamentos da Cisco em sua estrutura. Entre os equipamentos doados estão, servidores de lâminas e racks, aparelhos de conectividade de data center, firewall, entre outros. A expectativa, é de que a chegada destes equipamentos permita a implantação de um novo data center, melhorando a estrutura de Tecnologia da Informação e Comunicação do Governo do Estado e sirva também como contingência para o data center principal.
 
O Proderj possui um data center instalado no Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), no bairro do Jardim Botânico – Rio de Janeiro, que atende a todo Governo do Estado. A área do data center do Proderj é de aproximadamente 120 m². A unidade possui anel de fibra óptica, está preparada para alta densidade e em breve terá suas operações transformadas em Nuvem Híbrida para atender ao Governo do Estado.
O sistema de refrigeração utilizado é o do próprio Serpro, no entanto, está em andamento a instalação de quatro máquinas de alta densidade do tipo “in row”.
 
História
 
A Cisco iniciou suas operações no Brasil em 1994, tendo um papel fundamental na expansão das redes de comunicação corporativas e na internet brasileira.
A empresa está envolvida em outros projetos, entre eles o Naves do Conhecimento e Porto Maravilha. A Cisco também apoia com tecnologias o Comitê Olímpico do Brasil (COB). Além disso,  está apoiando projetos na área de educação da Prefeitura de São Paulo.
 
“Vivemos um momento único no Brasil, apesar da crise política e econômica. É justamente na crise, que as empresas e o governo precisam se reinventar, investir na otimização operacional. Este é o começo da transformação digital. As novas tecnologias, tais como Internet das Coisas, Inteligência Artificial e Computação em Nuvem, serão os pilares tecnológicos desta transformação”, afirma Rodrigo Uchoa, Diretor de Negócios para Transformação Digital da Cisco Brasil. Segundo ele, a Transformação Digital não é uma opção, mas um elemento essencial para que as empresas e o Brasil possam atingir melhor produtividade e gerar crescimento. “Por isso tudo, somos muito otimistas. O setor de TI e Telecom será a grande mola de impulso para uma nova era. Estaremos aqui para dar suporte ao país e nossos clientes neste momento tão importante”, completa.
 
A Cisco é veterana em eventos esportivos. A empresa foi patrocinadora dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Londres em 2012 e também já é patrocinadora oficial dos Jogos de Tokyo em 2020. Além de atuar como patrocinadora nestas edições dos Jogos, a empresa sempre forneceu tecnologia para empresas e organizações envolvidas com as Olimpíadas, desde Barcelona em 1992.
 
 
 
 
 
 
 

CONECTAR-SE COM DCD

ENTRAR


Esqueci a senha?

Criar conta MyDCD

Você precisa de profissionais qualificados?

regiões

region LATAM y España North America Europe Em Português Middle East Africa Asia Pacific

Whitepapers Ver Todos